Os Celtas

Vários séculos antes da era cristã, os Celtas vindos das ilhas dinamarquesas e das baixas planícies da Alemanha setentrional, espalharam-se por toda Europa ocidental, principalmente nas ilhas britânicas, na Irlanda e na Gália, onde dominaram populações mais antigas misturando-se a elas.

A literatura religiosa dos Celtas era mais oral que escrita e pouco ou nada ficou. O carvalho era a árvore sagrada de maior importância. Os sacerdotes Celtas, conhecidos como Druidas, usavam vestes brancas e separavam com um podão de ouro o visgo do roble, reconhecendo-os em um pano branco: o visgo era considerado o “remédio que tudo cura”.
Os jovens eram criados em famílias estrangeiras ou pelos Druidas.
Determinados locais eram considerados sagrados como as fontes, montanhas e florestas. Os celtas cultuavam a Mãe-Terra e a dividiam em três grupos de Deusas-Mães.

A “fauna mágica” dos celtas compreendia grande número de animais sagrados. Algumas tribos usavam seus nomes, como por exemplo os Taurisci,- o povo do touro-, ou os Brannvices – povo do corvo.

Nenhum comentário: