O Confucionismo no Japão

A primeira religião estrangeira importada pelo Japão foi o Confucionismo, no começo da Era Cristã. Sua influência foi limitada a certos círculos cultos até o século XVII, onde então, os clássicos confucionistas foram publicados e largamente divulgados, exercendo grande influência sobre a educação. Um dos clássicos preferidos pelos japoneses é a compilação de lendas confucianas intituladas “Os vinte e quatro modelos de piedade filiar”.

A moral confuciana, familiar e conservadora, adaptou-se bem a alma japonesa, formada pelo xintoísmo no amor da família e no respeito ao passado.

2 comentários:

Eugênio Fonseca disse...

Gostei. Simples e objetivo

Anônimo disse...

Confucionismo não é uma religião e definitivamente não foi a primeira a se "exportada" para o japão, o budismo veio antes do confucionismo